Nossos parceiros

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Cara, eu não sou sua alma gêmea


  Olha cara, já vou logo dizendo que eu não sou mesmo sua idealização de mulher, e confesso que demorei um pouco, mas finalmente enfiei nessa minha cabeça a realidade. Eu tentei, tentei, tentei pra burro te convencer que eu poderia ser perfeita pra você, mas agora eu cansei, graças aos céus eu cansei, porque saiba que convencer as pessoas é fácil pra mim, mas você...merda, é uma tarefa e tanto! Tô disposta não. 

  Eu andei pensando muito sobre mim, e eu me dei conta de tantas coisas. Eu sou engraçada, meio maluca (tá bom eu sou muito maluca), tenho um gosto bem peculiar para seriados, e falando neles eu sou muito boa em desvendar mistérios naquelas séries policiais, muito mesmo, sou uma verdadeira impressora (entendeu a piada né? Aquela parada do Xerox e tals...ah, esquece.), eu sou muito boa em escrever histórias, sou inteligente, formada em várias coisas, sei de coisas que as pessoas nem imaginam que eu aprendi, amo novelas mexicanas com aqueles dramas adolescentes, mas também amo filmes de robôs e carros maneiros, sou muito boa em fazer bolos, mas finjo que não pra não ter que fazer porque morro de preguiça de cozinhar qualquer coisa. Eu sei muitas coisas sobre mitologia, os solstícios e lendas que nunca contei pra ninguém, mas espero um dia poder ter uma longa conversa sobre esses assuntos. Tenho essa mania de falar rápido feito um trem desgovernado, que ás vezes irrita as pessoas. Eu danço feito uma louca dentro de casa como se não soubesse nada, mas sou uma ótima dançarina desde pequena, e além disso sei todos os passos da Beyoncé, na verdade a maioria deles. Tenho ótimas playlists no spotify, mas prefiro passar o dia inteiro ouvindo "(I've Had) The Time of My Life" (que aliás, é minha música favorita no mundo, e eu sei que você não sabe disso, e sabe menos ainda que eu tenho o sonho de dançar ela em um palco pra uma platéia gigante). 

   Na verdade, você não sabe praticamente nada sobre mim, só sabe mesmo o que eu mostro, que não é nem a metade do que eu sou. Eu não sou um espetáculo de mulher porque sou magra, alta, peituda e refinada, porque eu não sou nada disso. Eu sou um espetáculo de mulher porque sou completamente louca, desastrada, impulsiva, o meio termo entre doce e amargo, porque falo trezentas palavras em menos de dois minutos de conversa. Você entende? Sou um espetáculo de mulher porque eu sou real, e aceito isso numa boa. Eu não preciso ter nada no lugar, porque se eu estiver no lugar eu me desfaço em mil pedaços. Eu sou um desastre em cada pedacinho do meu corpo, em cada fio de cabelo e isso é incrível, eu sou incrível e sinceramente eu não ligo se você não acha isso. Talvez, mas só talvez você não fosse mesmo conseguir conviver com meus defeitos nunca, pelo simples fato de que eu não posso completar ninguém, não sou a metade ninguém. Eu não sei se posso amar uma pessoa só a minha vida inteira, e agora eu começo a entender tudo que eu senti ao longo desses anos. Eu não me apaixono pelas pessoas, e sim pelo que eu consigo enxergar nelas. E essa foi uma das descobertas mais insanas que eu já fiz, cara! Mas se por um acaso eu conseguir essa proeza, tá tudo bem também. 

   Eu finalmente percebi o quão boa eu sou, e não preciso mais sofrer por achar que não sou inteligente o suficiente, ou bonita o bastante pra conquistar alguém. Eu só preciso parar de fazer isso. Eu não sou sua alma gêmea, nem sua nem de ninguém. Eu sou só eu mesma, e você não precisa me amar, não precisa ficar comigo e nem tentar sentir alguma coisa. A gente não precisa mais se desentender por isso, tá tudo certo agora. E tá tudo tão bem. Tem coisas sobre mim que realmente ninguém precisa saber, ninguém mesmo. A única coisa que você e as outras pessoas precisam saber é que eu sou feliz assim, e que se não fosse tudo tão confuso ao meu respeito, então não seria eu. Tudo tá tão ruim no mundo, e é por isso que eu gosto de ser quem eu sou, eu sou diferente da maioria das garotas, e isso é muito legal, agora finalmente eu entendi isso. 






segunda-feira, 25 de setembro de 2017

VLOPED: Último dia no estágio


Hey pessoas e pessoinhas, tudo bom? Essa minha semana de estágio chegou ao fim, eu aprendi muitas coisas, e vou levar muitas lembranças. Não sei se as próximas etapas de estágio vão ser realizadas nessa mesma escola, mas onde quer que seja, eu vou de coração aberto. Não gravei todos os dias porque uns foram mais corridos que os outros, e como esse vlog tinha ficado bem pequeno eu juntei com um pouco do ensaio pra "Manhã literária" que vai rolar por lá (vamos gravar vlog desse dia). Ficou curto mas dá pra vocês terem uma noção do que rolou nesses dois dias, e eu pude contar com a ajuda da Paty. 





  Estou pensando em fazer um post sobre toda a experiência dessa semana, mas não tenho certeza ainda. Então é isso por hoje! 

Um queijo, uma goiabada e muitos abraços quentinhos! Até o próximo post! 


domingo, 17 de setembro de 2017

Nosso 3° Piquenique literário


Hey pessoas e pessoinhas, tudo bom?

 Fizemos nesse sábado (16/09) nosso terceiro Piquenique Literário, e olha foi um sucesso! Uma tarde maravilhosa entre amigos, onde tudo foi motivo pra boas risadas. ALGUÉM ME EMPRESTA O APARELHO AÍ? (risos)
 
Jogamos muito, teve muita comida, o pessoal levou cada tombo que só de lembrar já começo a dar risada. E sinceramente, deveríamos fazer isso todo fim de semana, porque é tão bom estar com pessoas tão cheias de luz assim. Vocês não sabem como somos gratas por tudo, e por todos. Cada pessoa que acompanha a gente e que compartilha da nossa felicidade significa muito pra todas nós. Nunca vamos nos cansar de agradecer. Vlogamos esse dia pra vocês verem um pouquinho como foi especial, e se animarem a participar do próximo. 



  Nosso amigo Moisés veio lá de BH e isso nos deixou muito contentes, e sem falar que ele fez aniversário ontem, então deu pra comemorar bastante! Foi realmente um dia incrível!

OBRIGADA PESSOAAAAAAAL! 




quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Descendentes 1 e 2 + playlist com as músicas dos filmes

Reprodução: Disney
Hey pessoas e pessoinhas, tudo bom?

  No post de hoje vamos falar um pouquinho sobre os filmes Descendentes e Descendentes 2 da Disney (que nós todos amamos loucamente, não é mesmo?), vocês já devem ter assistido pelo menos o primeiro filme, então já conhecem a história. Não vou prolongar muito esse post dando detalhes, mas vou deixar o trailer por aqui. 



  No reino de Auradon, Ben, o bondoso filho adolescente do Rei Fera e da Rainha Bela, assume o trono. Ele permite que descendentes dos vilões entrem em Auradon, pela primeira vez, para frequentarem a escola, ao lado dos filhos adolescentes da Fada Madrinha, Cinderela, Bela Adormecida e Mulan. À medida que os filhos do mal conhecem os filhos do bem, suas histórias começam a incorporar temas encorajadores relacionados à autoconfiança, beleza interior, responsabilidade e justiça.

  O que eu posso dizer pra vocês é que o elenco é incrível, temos Dove Cameron (Mal), Sofia Carson (Evie), Cameron Boyce (Carlos), Kristin Chenoweth (Malévola), Sarah Jeffery (Audrey) entre outros que já vimos em vários filmes e seriados. O filme foi muito bem planejado, como sempre Kenny Ortega arrasa nas suas produções (podemos ver claramente com o sucesso de HSM), e não poderiamos esperar menos desse filme. A única coisa que senti falta foi de conhecer mais dos outros descendentes que estudam em Auradon, alguns ficaram bem esquecidos. Mas tirando isso tá tudo certo. Acompanhar como os Descendentes dos vilões se adaptam ao sua nova realidade foi uma experiência muito bacana, eu sempre gosto muitos desses tipos de filmes que contam o outro lado da história. 







Mal, Jay, Carlos e Evie tentam encontrar seus lugares em Auradon, mas a pressão de se tornar um membro perfeito da realeza deixa Mal deslocada.

Data de lançamento: 21 de julho de 2017 (mundial)

   Descendentes 2 foi lançado mundialmente dia 21 de julho, mas eu ainda não tive a chance de assistir, mas como sou mega curiosa e amo uns bons spoilers com toda certeza já dei minhas pesquisadas e as canções estão um ARRASOOOO! Já estou enlouquecida com a Uma, e adicionei tudo a uma play no Spotify!!! Umas das coisas que amei nesses novos personagens foram os figurinos, gentche do céu o que é aquele cabelo maravilhoso da Uma (China Anne McClain)? Quero! Que cor mais linda, e os piratas que seguem ela são pura magya cês viram? Ainda não? Estão esperando o que pra dar um Google??

Como ainda não assisti ao filme não vou falar muito sobre ele, mas assim que eu assistir faço minha crítica ou aqui no blog ou então lá no canal. Aguardem!


  
  E é claro que não poderia faltar uma playlist aqui nesse post né? Com todas as músicas dos dois filmes. Minhas preferidas são "If only", "You and me", "Rotten to the core" e "I'ts Goin' Down", e confesso que tenho uma leve quedinha por "Be our Guest" (porque será né?). (risos) 



    E aí quais são as músicas preferidas de vocês? Me contem aqui nos comentários!
Então é isso, espero que tenham gostado do post. Um queijo, uma goiabada, e muitos abraços quentinhos!